Três dicas para viver com mais saúde, segundo Dr. Mercola

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Durante minha trajetória como jornalista, tive a oportunidade de entrevistar muitos profissionais consagrados e com uma contribuição inestimável para a saúde da população. Um desses entrevistados foi o Dr. Joseph Mercola, médico osteopata e ganhador de vários prêmios área da saúde natural.

Além de estar à frente de um dos sites mais conhecidos do mundo em seu segmento, Mercola é autor de pelo menos 15 livros, muitos deles best-sellers, sendo três deles já listados pelo New York Times entre as mais vendidos (“Effortless Healing”, “The No-Grain Diet” e “The Great Bird Flu Hoax”). Ou seja, trata-se de um profissional mundialmente respeitado.

Durante uma entrevista que realizamos na casa dele, em Daytona Beach, na Flórida, Estados unidos, alguns anos atrás, tive a chance de fazer uma pergunta que certamente ajuda a responder os questionamentos de muita gente que tem a busca por uma vida mais saudável como prioridade:

O que as pessoas mais fazem de errado hoje e que pode comprometer lentamente a sua saúde, sem elas perceberem dia após dia? Dr. Mercola, o senhor poderia enumerar os principais erros que as pessoas cometem e dar as dicas para viver melhor?

Leia a resposta dele para esta pergunta foi divida em três assuntos. Confira:

DICA NÚMERO 1: SONO

“Eu posso ficar uma hora respondendo essa pergunta, mas vou fazer um resumo (risos). O sono… A maioria das pessoas não percebe, somente aprecia o sono de maneira superficial. Mas a falta de sono mata mais pessoas no trânsito do que se você somar todas pessoas que matam por dirigirem bêbadas e as que matam porque estavam usando o celular. O sono é mais perigoso e universal. Tem a ver com a chegada da luz elétrica. Isso porque já foi muito caro ter luz à noite. Já chegou a custar um salário de um ano manter uma luz acesa a noite toda. E isso não faz tanto tempo assim. Mas aí veio a eletricidade. E como resultado as pessoas estão dormindo menos. Cem anos atrás, poucas pessoas dormiam menos de 6 horas. Hoje em dia isso se tornou a maioria. Grande parte das pessoas dorme menos de 6 horas. O sono é essencial, e dormir na hora certa também. O ideal é ir para a cama logo que o sol se põe e acordar com o nascer do sol”.

DICA NÚMERO 2: ALIMENTAÇÃO

“Claro, também há a alimentação correta, a dieta correta. Todo mundo sabe disso. Não é um mistério. Não existe polêmica em relação à alimentação. Mas o que quero salientar tem a ver com os horários da alimentação. Esse é o grande erro, e pouquíssimas pessoas entendem isso, e é algo que se aplica também aos animais domésticos. Sabe qual é a principal causa da morte de gatos e cachorros? A resposta: câncer. As pessoas amam seus animaizinhos domésticos, seus gatinhos e cachorrinhos. E o que matam esses bichos? O câncer. E sabe o motivo? Por causa do mesmo erro que estamos cometendo: comemos o tempo todo. Estamos sempre comendo. Somente 10% das pessoas nos Estados Unidos, comem toda a sua comida em menos de 12 horas. Já 90% come mais do que em 12 horas por dia. Eu acredito que o tempo ideal para comer a sua comida é em um espaço de 6 a 8 horas. Ao fazer isso, você dá descanso para o seu sistema digestivo e uma chance para os açúcares do sangue diminuírem. Dessa maneira, você melhora a sensibilidade à insulina e a capacidade do seu corpo em queimar a gordura como combustível primário e gerar uma gordura solúvel em água chamada cetona, que é quase um milagre. Você pode comprar cetona exogenamente e comercialmente. Ou seja, agora você pode comprar e tomar cetona, mas é bem cara e desnecessária. Tudo o que você precisa fazer é diminuir a ‘janela’ de tempo que usa para se alimentar e comer os alimentos corretos. Isso quer dizer evitar os alimentos processados, com alto teor de carboidratos e gorduras processadas, e óleo de milho, óleo de ômega 6 processados são muito perigosos.”

DICA NÚMERO 3: EXERCÍCIOS

“E você tem que se mexer o dia inteiro. Se exercitar não só na academia, durante 1 hora por dia. Isso não funciona. Você tem que se mexer o dia inteiro. Não ficar sentado o dia todo. A dica é trabalhar em pé um pouco, usar um rastreador fitness para você se certificar que está dando os passos suficientes… Se aplicar esses princípios dá certo.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nutrigenes

Atendimento

44 3031-3515

De Segunda a Sexta
das 9h às 12h
das 13h às 17h

[email protected]
[email protected]
WhatsApp: (44) 99807-2812

Siga nas redes sociais

Av. Humaitá, 452, Sala 101
Maringá - Paraná | CEP 87014-200
CNPJ: 20.409.456/0001-17