Descubra 5 suplementos para fadiga muscular com a Nutrigenes!

Você provavelmente já se sentiu desanimado sem motivo aparente, com falta de motivação para realizar tarefas do dia a dia e com dores pelo corpo. Ou até mesmo já chegou um dia no trabalho e imediatamente sentiu vontade de ir embora. Fique atento: esses são os sintomas da fadiga!

Esses sintomas são muito comuns e aumentam a procura por suplementos para fadiga muscular. Isso porque cada vez mais as pessoas estão se sentindo desgastadas e veem na suplementação alimentar uma saída para esse problema.

A fadiga pode ter causas tanto emocionais quanto físicas e seus efeitos são sentidos pelo organismo inteiro, nos atrapalhando até nas atividades mais simples do dia a dia e tornando desgastantes as tarefas que antes nos davam prazer.

Viver nesse cenário pode trazer diversos prejuízos para uma pessoa: seus impactos são sentidos nos estudos, no trabalho, na relação com as outras pessoas e em diversos outros âmbitos.

Para ajudar quem sente esses sintomas, a Nutrigenes separou hoje um conteúdo sobre a fadiga muscular: entenda por que é causada e quais são os suplementos recomendados para superá-la nesse post.

Entendendo a fadiga: o que é e como é causada

Muita gente tem em mente que a fadiga é sinônimo de cansaço. Mas, na verdade, ela é um pouco mais complexa do que apenas um cansaço comum. A fadiga é caracterizada pela falta de energia no organismo de forma geral.

É preciso se preocupar com ela pois muitas vezes pode ser sintoma de problemas mais graves – como a anemia, depressão e problemas de tireóide. Entretanto, existem casos também em que ela é causada apenas por hábitos de quem leva uma vida não muito saudável.

Ou seja: a falta de exercício físico – ou o exercício em excesso –, de noites de sono bem dormidas, o estresse do dia a dia e a falta de sono podem causar essa queda de energia no organismo. Isso reflete, é claro, no bem estar de quem sente a fadiga.

Fadiga Física vs. Fadiga Mental

Existem diferentes tipos de fadiga: a física e a mental. Cada um desses tipos tem motivações diferentes para acontecerem e, também, possuem formas diferentes de serem sentidas.

A fadiga mental está se tornando cada vez mais comum. Isso ocorre porque o excesso de informações que recebemos diariamente pela internet, por smartphones, em casa ou no trabalho combinado com o estresse no dia a dia sobrecarrega a nossa mente.

Por outro lado, a fadiga física – ou fadiga muscular – é causada principalmente pelo excesso de atividade física. Ela é sentida por quem usa frequentemente pesos em seus exercícios e, também, por quem não faz períodos de descanso entre as atividades.

A fadiga muscular é sentida por meio de um cansaço generalizado no corpo e/o por dores intensas no músculo trabalhado excessivamente. Essa é, portanto, uma subdivisão da fadiga muscular:

  • A fadiga muscular central que é a ausência de força focada em uma região, normalmente o músculo afetado pelo esforço;
  • E a fadiga muscular periférica, que é generalizada e faz com que a falta de energia seja sentida por todo o corpo.

Os efeitos da fadiga muscular são sentidos por sintomas como:

  • diminuição da resistência imunológica;
  • distensão muscular;
  • falta de ânimo e disposição;
  • dores espalhadas por todo o corpo.

Suplemento para fadiga muscular: saiba quais são os mais recomendados

Naturalmente, os atletas fazem mais esforço, gastam mais energia e estão mais suscetíveis a sentir a fadiga. Por esse motivo, é natural também a procura dessas pessoas por suplementação alimentar para completar a dieta com os nutrientes necessários para espantar o cansaço.

É com isso em mente que separamos a lista abaixo com 5 diferentes suplementos que são indicados para diminuir a fadiga muscular. Confira:

  1. Creatina

    A creatina é um nutriente responsável pelo aumento nos estoques de ATP – a molécula principal quando o assunto são fontes de energia em nosso organismo.

    O ATP é a energia molecular de nossas células. Com o consumo de creatina por suplementação, suas células terão mais energia e, consequentemente, a força muscular é aumentada e a fadiga minimizada.

    A creatina, ainda, cumpre um papel de maximização neuronal pois ela participa do processo de formação de energia nos neurônios. Então, com a suplementação de creatina, além da diminuição da fadiga, a capacidade cognitiva é aprimorada.

  2. Coenzima Q-10

    Também ligada à produção de ATP nas células, a Coenzima Q-10 é um agente importante na potencialização da energia celular.

    Esse é nutriente natural do nosso organismo mas que, com o passar dos anos, sua produção diminui e, por isso, a suplementação pode se tornar uma opção.

    Esse nutriente, além de atuar diretamente na produção de energia na mitocôndria, tem ação antioxidante e estabilizante de membranas. Assim, tem atuação direta na recuperação dos músculos também.

  3. Suplementos multivitamínicos

    As vitaminas cumprem um papel essencial no combate de fadiga e do cansaço. Elas influenciam no funcionamento adequado do metabolismo, produzindo energia em níveis ideais e contribuindo para o nosso desempenho cognitivo.

    Assim, não é possível dizer qual a melhor vitamina para cansaço físico e mental: as vitaminas do complexo B, complexo C e minerais como o ferro, o zinco e o magnésio são as principais responsáveis no combate da fadiga.

    Por esse motivo, quando se fala de suplementação de vitaminas para o cansaço físico, precisamos pensar em suplementos multivitamínicos e minerais, que vão providenciar os diferentes nutrientes que são necessários.

  4. Cafeína

    Ah, a boa e velha cafeína! Pra você não deve ser novidade que a cafeína é responsável por aumentar os níveis de energia, de concentração e de disposição. Muita gente não vive sem uma xícara de café para iniciar o dia. Mas poucos sabem que ele também pode diminuir a fadiga.

    A cafeína tem efeitos que provocam o aumento de rendimento físico, melhora a memória de curto prazo, diminui o tempo de reação e, assim, diminui a fadiga e a percepção do esforço.

    Entretanto, apenas beber o café pode não ser o suficiente para ter esses benefícios da cafeína. Por isso, a cafeína desidratada como suplemento entra em cena.

  5. Guaraná

    O guaraná é uma planta nativa brasileira, mais especificamente da floresta amazônica. Essa planta, riqueza de nosso país, cumpre também um papel importante no aumento dos níveis de energia em nosso corpo e contribui no combate ao cansaço físico.

    Suas propriedades energéticas se dão, principalmente, pela chamada guaranina – um composto que é “primo” da cafeína.

    A guaranina atua, principalmente, no nosso metabolismo celular. Assim, contribui para a produção de energia nas células, na diminuição do cansaço e no aprimoramento de processos ligados ao sistema nervoso central.

Dica da Nutrigenes: suplemente com o apoio de nutricionista

Nós apresentamos aqui algumas opções de suplementação para a diminuição da fadiga. Mas não se engane: a suplementação não deve ser feita deliberadamente. Para inserir suplementos na dieta é preciso do acompanhamento de um profissional da nutrição.

Com ele, é possível diagnosticar sua dieta e identificar quais são os nutrientes que estão em falta e precisam ser repostos pela suplementação. Somente assim você poderá fazer uma suplementação assertiva, repondo os nutrientes que seu corpo realmente precisa para combater o cansaço físico.

Se a sua busca por exercícios físicos e suplementação é, na realidade, com foco no emagrecimento, leia aqui no blog da Nutrigenes o nosso post com 14 poderosos aliados naturais para o emagrecimento.

Continue com a gente! Aqui você sempre encontra dicas e informações sobre suplementos, vitaminas, minerais e de outros assuntos ligados à saúde.

Nos vemos em outro post!

Assine nossa newsletter para receber dicas, informações, vídeos e entrevistas diretamente em seu email!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *